Luta pela Fé – A História do Padre Stu (“Father Stu”)

Mark Wahlberg de “Uncharted – Fora do Mapa” bancou sozinho essa produção que nenhum estúdio queria fazer sobre a história real do Padre americano Stuart, ex-pugilista e fichado pela polícia que após um acidente recebeu um “chamado divino” e daí começou a sua luta para ser padre.

Wahlberg é o protagonista, o qual enfrenta uma dura jornada de provações até o fim, além de mostrar sua complicada relação com sua mãe (Jacki Weaver de “O Rei da Polca”) e seu pai (Mel Gibson de “O Último Toque”).

A diretora e roteirista estreante Rosalind Ross – que, detalhe: é casada com Mel Gibson desde 2014! – juntamente com Wahlberg deram um interessante tom que reveza entre a comédia (principalmente nos dois primeiros atos) e o drama (mais para o último ato por motivos óbvios) o que causa uma dinâmica com um ótimo ritmo e ainda mais comercial, apesar de perder algumas oportunidades mais dramáticas que até poderia resultar em indicações.

O elenco como um todo está muito bem, com Gibson num de seus melhores papéis nos últimos anos e Whalberg podendo exibir a sua ótima veia cômica, mas também flertar com um drama um pouco mais singelo. É essa dinâmica juntamente com as ótimas atuações e diálogos afiados que fazem as duas horas de projeção passarem rápido e ainda por cima fazem com que clichês comuns ao gênero consigam funcionar sem que o espectador perceba a manipulação.

As cenas pós créditos (atenção: são duas!) mostrando o verdadeiro padre Stu e depois uma cena deletada hilária são a cereja do bolo.

Luta pela Fé” mostra de forma bem humorada uma história dramática e pesada e, independentemente se a decisão do tom da narrativa foi a melhor, o resultado deve conseguir agradar a diversos nichos, tanto pela execução quando pela simpatia.

Curiosidade:

– A atriz que interpreta Maria numa cena de visão de Stu é a nora de Mel Gibson, Annet Mahendru.
– A mãe de Stu sugere em duas cenas diferentes que ele trabalhe numa plataforma de petróleo e depois fala dele ser ator pornô. Mark Wahlberg já interpretou um trabalhador de plataforma de petróleo em “Horizonte Profundo” e ator pornô em “Boogie Nights – Prazer Sem Limites”.
– Segunda vez que Mark Wahlberg e Mel Gibson interpretam pai e filho. A primeira foi em “Pai em Dose Dupla 2”.

Ficha Técnica

Elenco:
Mark Wahlberg
Mel Gibson
Jacki Weaver
Teresa Ruiz
Aaron Moten
Cody Fern
Malcolm McDowell
Carlos Leal

Jack Kehler
Alain Uy
Tenz McCall
Annet Mahendru
Patricia Belcher
Niko Nicotera
Tony Amendola
Valente Rodriguez
Colleen Camp
Winter Ave Zoli
De’aundre Bonds

Direção:
Rosalind Ross

Produção:
Jordon Foss
Stephen Levinson
Mark Wahlberg

Fotografia:
Jacques Jouffret

Trilha Sonora:
Dickon Hinchliffe

ELENCO

DIREÇÃO

Avaliações dos usuários

Não há avaliações ainda. Seja o primeiro a escrever uma.

Avalie o filme

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on telegram